EXPERIÊNCIA COM O ENSINO REMOTO EM TEMPOS DE PANDEMIA ENTRE ESTUDANTES DE MEDICINA DE UM CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ACRE

Luana Karen Virgino Silva Brandão, Givaldo Machado Júnior, Jaynne Emmanuelly Assis Mendonça, João Carlos Mendes Maia, João Paulo dos Santos Souza, João Víctor Uchôa Gonçalves Pinheiro, Kemmely Maclei Ferreira Melo, Letycia Sampaio Maia, Lívia Diniz Fernandes, Ruth Silva Lima da Costa

Resumo


O ensino remoto pode ser definido como todo conteúdo produzido, disponibilizado online e ministrado em tempo real pelo professor, em salas de aulas virtuais, sempre seguindo cronogramas adaptáveis do ensino tradicional. Trata-se de um estudo descritivo, tipo relato de experiência, cujo objetivo é evidenciar a experiência de acadêmicos do curso de medicina de um Centro Universitário do Acre frente as aulas virtuais. Os resultados demostraram que na percepção dos estudantes, a metodologia de ensino remoto, apesar de não ser o método ideal de ensino, tornou-se a alternativa mais viável para a continuidade das aulas durante a pandemia de Covid-19. As principais dificuldades relatadas foram a conexão com a internet, o fato de conciliar as aulas no ambiente familiar e a dificuldade de concentração, uma vez que o ambiente domiciliar apresenta muitas distrações. Foi relatado ainda o cansaço em acompanhar aulas com uso do smartphone, e dificuldades para navegabilidade no ambiente virtual de aprendizagem, o que exigiu deles foco e disciplina, além da necessidade de se resignificarem frente as mudanças. Por fim, evidenciou-se que apesar das dificuldades ocorridas frente a essa modalidade de ensino, o momento foi desafiador, porém enriquecedor para a prática pedagógica, pois além de possibilitar a aprendizagem, foi possível ainda o estabelecimento de vínculos entre os envolvidos no processo.

Palavras-chave: Epidemia por Novo Coronavírus 2019. Estudantes de Medicina. Aula

Texto completo:

PDF

Referências


WHO. Organização Mundial de Saúde. Histórico da pandemia de COVID-19 - OPAS/OMS | Organização Pan-Americana da Saúde. Paho.org. Disponível em: . Acesso em: 24 de maio de 2021.

HARAPAN, Harapan et al. Coronavírus disease 2019 (COVID-19): A literature review. Journal of infection and public health, v.13, n.5, p. 667-673, 2020.

DA SILVA, Ellery Henrique Barros; DA SILVA NETO, Jerônimo Gregório; DOS SANTOS, Marilde Chaves. Pedagogia da pandemia: reflexões sobre a educação em tempos de isolamento social. Revista Latino-Americana de Estudos Científicos, p. 29-44, 2020.

BEHAR, Patricia Alejandra. O ensino remoto emergencial e a educação à distância. Jornal da Universidade, v. 14, n. 08, 2020

BEZERRA, Italla Maria Pinheiro. Estado da arte sobre o ensino de enfermagem e os desafios do uso de tecnologias remotas em época de pandemia do Coronavírus. Revista Brasileira de Crescimento e Desenvolvimento Humano, v. 30, n. 1, p. 141-147, 2020.

COSTA, Ruth Silva Lima da et al. Assistência de enfermagem em tempos de Covid-19 via atendimento remoto: Relato de experiência. In: ZAN, Renato André et al. Tecnologias digitais e inovação: desafio da educação e saúde em tempos de Covid-19. 2020. Rio Branco- Acre: Editora Stricto Sensu, p. 48-59, 2020.

RIO BRANCO, Prefeitura Municipal de Rio Branco. Decreto nº 196 de 17 de março de 2020. Dispõe sobre medidas temporárias a serem adotadas, no âmbito do município frente a pandemia do Coronavírus. Rio Branco, 2020.

SIMÃO, JPS; CARVALHO, T. J.; ROCHADEL, W. Experimentação Remota e a Construção do Conhecimento no Processo de Aprendizagem. Engenharia da Computação–Teoria Geral de Sistemas. 2013. Tese de Doutorado.

DOS SANTOS COELHO, Karine et al. O processo de inserção do ambiente virtual de aprendizagem e da experimentação remota no Ensino de Física do Ensino Médio. Anais do Simpósio Ibero-Americano de Tecnologias Educacionais, p. 168-176, 2017.

AVELINO, Wagner Feitosa; MENDES, Jessica Guimarães. A realidade da educação brasileira a partir da COVID-19. Boletim de Conjuntura (BOCA), v. 2, n. 5, p. 56-62, 2020.

BARRETO, Andreia Cristina Freitas; ROCHA, Daniele Santos. COVID 19 e Educação: resistências, desafios e (im) possibilidades. Revista Encantar-Educação, Cultura e Sociedade, v. 2, p. 01-11, 2020.

CUNHA, Leonardo Ferreira Farias da; SILVA, Alcineia de Souza; SILVA, Aurênio Pereira da. O ensino remoto no Brasil em tempos de pandemia: diálogos acerca da qualidade e do direito e acesso à educação. Revista Com Censo: Estudos Educacionais do Distrito Federal, Brasília, v. 7, n. 3, p. 27-37, ago. 2020.

GOMES, Vânia Thais Silva et al. A pandemia da covid-19: repercussões do ensino remoto na formação médica. Revista Brasileira de Educação Médica, v. 44, n. 4, 2020.

SILVA, Joselma; GOULART, Ilsa do Carmo Vieira; CABRAL, Giovanna Rodrigues. Ensino remoto na educação superior: impactos na formação inicial docente. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, p. 407-423, 2021.

MEZZARI, Adelina. O uso da Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP) como reforço ao ensino presencial utilizando o ambiente de aprendizagem Moodle. Revista brasileira de educação médica, v. 35, n. 1, p. 114-121, 2011.

GAL-IGLESIAS, Beatriz; BUSTURIA-BERRADE, I. de; GARRIDO-ASTRAY, María Concepción. Nuevas metodologías docentes aplicadas al estudio de la fisiología y la anatomía: estudio comparativo con el método tradicional. Educación médica, v. 12, n. 2, p. 117-124, 2009.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Associado à ABEC